Estatística

—  João Guilherme Guimarães Valadão

30 anos, natural de Teresópolis/RJ. Casado desde 2014 com a Carol Carone, moro em Jacarepaguá, Rio de Janeiro e congrego na Igreja Presbiteriana da Freguesia. Biólogo por formação, atuo na área de hematologia como Analista de Qualidade no Programa Nacional de Avaliação Externa da Qualidade para Hemorrede.

Nascido e criado em lar presbiteriano sempre tive meus avós, pais e minha irmã como exemplos de cristãos e servos atuantes na obra do Senhor, guiando-me e educando-me nas sagradas escrituras. Minha caminhada começou na Igreja Presbiteriana de Andorinhas (Magé/RJ), a igreja mais antiga da região e mãe de várias outras. Lá pude aprender o que é realmente servir ao Reino. Aos 6 anos já trabalhava na UCP e ali pude fazer amigos que levo até hoje. Foi nessa época também que aprendi a fazer as famosas atas manuscritas.

Aos 11 anos fiz minha pública profissão de fé e acabei ingressando antes para a UPA, essa época foi realmente impactante em minha vida. Fui presidente da local e federação por 5 anos consecutivos e vi nascer a Confederação Sinodal de UPAs Leste Fluminense onde tive a honra de atuar como Secretário de Espiritualidade e Tesoureiro, permanecendo até os 19 anos. Foi nessa época também que conheci uma grande amiga que veio a se torna minha esposa, fruto do Congresso Nacional de UPAs de 2006.

Ainda neste mesmo ano já estava em transição para a UMP devido à idade e transição de Sínodo também. E assim, iniciei ativamente as atividades da UMP na CSM Serrano Fluminense onde atuei como Secretário de Música e Secretário Executivo. Em 2011, reencontrei aquela amiga de UPA nos 75 anos da UMP em Barueri e depois de alguns meses de bate-papo via MSN firmamos o namoro dando início a vida de ponte aérea RJ/SP, até nos casarmos em fevereiro de 2014. Diga-se de passagem, nosso casamento foi um verdadeiro pós-congresso de Palmas, com direito a uma mesa exclusiva para os amigos que a UMP nos deu. Com o casamento mudamos para a cidade do Rio de Janeiro passando a congregar na IP Freguesia e atualmente estou como presidente da CSM Guanabara.

Hoje, tenho o privilégio de estar na CNM e cada dia mais experimentar esse imenso amor à obra através da Mocidade Presbiteriana. Sou grato a Deus por Ele ter me escolhido para esta seara e tenho a plena convicção de que o Senhor colocou pessoas maravilhosas ao meu lado, ao longo desses anos, em quem pude me espelhar e aprender. Rogo a Deus que capacite a cada jovem presbiteriano espalhado por este imenso Brasil para que sejamos sempre: ALEGRES, FORTES, DEDICADOS, UNIDOS. A Ele seja toda honra e glória!

Precisa entrar em contato?

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.